ACASO online

Emergências
como chegamos até aqui
e o que faremos amanhã

com o físico Luiz Alberto Oliveira

  • Material de estudo

  • Momentos de debate

  • Grupo de Whatsapp

  • Gravação das aulas

  • Certificado (para os participantes síncronos)

LAO 20.jpg

de 05/05 a 09/06

Quintas-feiras

19h30 - 21h

Online via Zoom

curso

O termo “Emergências” parece bastante preciso para se abordar os estados-de-coisas no atual momento da civilização humana por se desdobrar, de imediato, em dois sentidos distintos, mas igualmente legítimos, que empregamos na linguagem do dia-a-dia: o de surgimento (proveniência, aparição, origem) e o de urgência (crise, pressa, iminência). Uma avaliação das características mais marcantes desta nossa época pandêmica certamente levaria em conta estes dois aspectos - pois dispomos hoje de meios sem precedentes de compreensão sobre o funcionamento tanto dos sistemas naturais quanto dos processos culturais, baseados nas chamadas Ciências da Complexidade, por um lado; e por outro, este mesmo conhecimento nos revela a ocorrência simultânea de diversos limiares críticos que sugerem estar em jogo a própria continuidade do conjunto de experiências que chamamos de Humanidade. O tempo da mudança chegou, e será preciso escolher um novo rumo.

 

O presente curso tem por objetivo apresentar e debater uma série de conceitos sobre os quais seria possível fundar perspectivas inovadoras de modos de agir e viver que possam se revelar adequados ao período agudo de adaptações pelo qual uma larga parte do conjunto da vida na Terra - os humanos definitivamente incluídos - está em vias de ingressar. Há diferentes caminhos se abrindo hoje, levando a distintos amanhãs possíveis; trata-se então de distinguirmos os meios de selecionar, dentre esse leque de possibilidades, os percursos que, aos olhos dos que ainda estão por vir, pareçam os mais favoráveis. 

 

Para estabelecermos um diagnóstico sobre como chegamos à atual configuração de mundo e explorarmos o panorama de cenários possíveis que se abrem a partir destas circunstâncias, seguiremos uma sequência de processos de complexificação que tiveram lugar em diferentes escalas e dimensões de nossa existência. O objetivo é por em discussão os meios e as diretrizes éticas para participar ativamente da produção de futuros tanto plausíveis quanto desejáveis.

estrutura

1º Encontro: "Cosmos - o Vazio se desdobra em uma Totalidade dinâmica

A partir de uma instabilidade do estado primordial de Vazio, o Universo passa a existir como a totalidade evolutiva Espaço-Tempo-Matéria-Energia

 

2º Encontro: "Matéria - a proveniência das espécies de materiais e modos de atividade"

A Evolução cósmica dá lugar a uma escalada de estruturas corporais - de partículas a estrelas - que irão compor o atual panorama de um Universo antigo, incrivelmente vasto, e muito pouco denso

 

3º Encontro: "Vida - os dobramentos dos processos materiais dando lugar à evolução dos organismos

A aparição de organizações materiais que podem reproduzir e variar suas próprias estruturas - os organismos - forma sistemas crescentemente complexos capazes de acelerada diversificação.

 

4º Encontro: "Pensamento - as problematizações da vida engendrando as invenções da Mente"

A alta densidade de relações internas e externas de organismos complexos fomenta o desenvolvimento de habilidades sensoriais, motoras e cognitivas cada vez mais sofisticadas.

 

5º Encontro: "Cultura e Técnica - os horizontes da correlação entre manejo simbólico e ação técnica"

A conjugação de inovações técnicas e simbolização compartilhada, capacidades mutuamente estimulantes, fornece as bases materiais e cognitivas para a aceleração exponencial da Cultura

 

6º Encontro: "Amanhãs - caminhos possíveis, cenários desejáveis e potências do Espírito"

Em vias de completar sua planetarização, a Humanidade - e as muitas humanidades que a compõem - se depara com o desafio existencial de construir os meios e caminhos para não só se expandir no Espaço, mas também se estender no Tempo.

professor

Físico, doutor em Cosmologia, foi pesquisador do Grupo de Cosmologia, Relatividade e Astrofísica do Centro Brasileiro de Pesquisas Físicas (CBPF/MCTI), onde também atuou como professor de História e Filosofia da Ciência. Foi Curador Geral do Museu do Amanhã do Rio de Janeiro de 2010 a 2020. Pesquisador associado do Programa IDEA da Escola de Comunicação (ECO) da UFRJ, é professor, palestrante e consultor de diversas instituições brasileiras e internacionais.

valor

R$ 300,00

débito, crédito ou boleto